segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Observando M22 e M28

M22 é um dos mais brilhantes globulares do céu . No hemisfério sul  ele é incrível. Se compara a M13.
E é um objeto facilmente observável. Com magnitude de 5.10 ele é percebido a olho nu a partir de locais escuros. Caso seja necessário localiza Kaus Borealis no asterismo do bule em Sagitário ( é a estrela do topo do "bule"). De lá escaneie a região a norte ( Nordeste quando este estiver a leste e noroeste quando a oeste do meridiano) deste  . O globular será facilmente visível em uma buscadora de 6x 30mm. Binóculos tornam sua localização ainda mais fácil.
 Foi provavelmente o primeiro globular a ser descoberto . Foi registrado por Abraham Ihle em 1665. Hevelius talvez o tenha observado ainda antes... Consta do catalogo elaborado por Halley em 1715. Esta também no catalogo de Lacaille e foi incluído por Messier em 5 de junho de 1764.Esta a cerca de 10.400 anos luz.

M 28 fica ainda mais próximo de Kaus Borealis e embora menor e mais apagado é também facilmente percebido na buscadora e em binoculos. Foi o segundo globular onde foi descoberto um Pulsar de Milisec. ( primeiro foi M4). Apresenta diversas estrelas variáveis e se encontra a cerca de 19.000 anos luz. Cobre uma area de cerca de 60 anos luz. É uma descoberta original de Messier e foi catalogado em 27 de Julho de 1764.

Nenhum comentário:

Postar um comentário