terça-feira, 24 de novembro de 2009

Astrolog #010

log buzios 21 de novembro
20 e 21 de 2009
seeing razoavel. melhor dia 20 (2)
objetos avistados
Castor -Resolvi as duas estrelas mais proximas porem o seeing não era perfeito .
M1- muito tenue. Meu irmão também viu .Estava lá. Só e facilmente localizavel por estar muito proxima a Zeta Tauri
M35- lindo.Saleirão. O melhor da noite
M36- bonito . fumaça . usando a visão periférica se notam algumas estrelas.
M37.só fumaça.bem discreto na buscadora.
M38- o mais legal de auriga. Saleiro.
M31 - nevoa grande com visão periferica . Se ve na buscadora . Por volta de 21:30 horas. Bem legau. O nucleo se sobressai bem . Facil de se achar a partir de Mirach.
M32 - percebe-se no mesmo ocular de M31
Aglomerado de Lambda Orionis-Bem legau.Alvo para a buscadora. É só centrar em Meissa ,na cabeça do caçador.

revisitados nas constelações austrais

Pleiades do Sul - melhor na Buscadora. Muito grande.
Omicron Velorum- um favorito
IC 2602- Pequeno e bonito.
NGC 3372,3532,3572,3293,3324, 2629 -Todos em Carina . Uma das mais ricas constelações austrais. São todos objetos faceis de se achar.


objetos não localizados

m110- nem sinal
m15- toco
m78- horas tentando e nada

sábado, 14 de novembro de 2009

O catalogo JESS de Objetos Estelares -cont.

A segunda jornada

A segunda jornada é de certa forma relacionada a uma história que viria se passar muitos anos depois . 1931 .Per Collinder estava organizando sua dissertação “ Propriedades estruturais do aglomerados abertos e sua distribuição espacial”.É sua tese de doutorado e um dos mais obscuros “papers” já escritos.Porém em um anexo ele deixa sua maior herança para os amadores do mundo.O catalogo Collinder tem 471 entradas. . Per Collinder foi um astronomo sueco e seu catalogo apresentou diversas controvérsias. Diversas de suas entradas são discutíveis . Asterismos que não são verdadeiros aglomerados. Alguns objetos não estão localizados corretamente. Mas diversos dos seu objetos são memoraveis .Na verdade Collinder classifica os seus aglomerados os comparando a outros aglomerados muito conhecidos . Assim um aglomerado podia ser do tipo Pleiades , um outro do tipo “Prespépio”(M44 ) .Era um metodo eficiente no reconhecimento dos objetos . Muitos deles facilmente notados de locais escuros. Collinder foi um grande navegador . José Eustaquio também.
Novamente reunidos na lua nova ( ele sempre se reuniam na lua nova) . Os indios acreditavam que o padre e Eustáquio falavam com aquele deus deles pesoalmente durante ese periodo. Don João não desencorajava aquela crença. Na verdade gostava. Seguia engajado no seu trabalho de conversão e já tinha dois filhos com duas indias e pretendia continuar o que chamava de conversão carnal. Achava que as indias que compartilhasem de sua intimidade seriam purificadas.Algo como um batismo.
José eustaquio , que conhecia já bem a loucura do homem preferia não contrariar. Sabia que o outro acreditava piamente que poderia remover o pecado original praticando mais patifaria . Um contra senso teologico . Por essas e outras o nosso bom padrea já fora expulso de quase todos os reinos europeus a oeste dos Caucasos . De qualquer forma agora ele estava no Arrraial . E de lá ninguém era expulso.

De qualquer forma naquela lua nova , até as fogueiras não foram acesas para não atrapalhar o encontro entre aqueles dois homens . Eles gostavam do mundo as escuras.

José Eustaquio explica:
-Muitos cardumes no céu hoje , padre? A corrente vai trazer varios cardumes sudeste e leste. Elas vem com o vento. O vento bom.

Don João já se habituara ao falar de José. Ele encarava o céu como o mar e entendia o seu comportamento como um ciclo de marés , migrações e ventos.

Ele sabia que com aquilo José queria dizer que a noite ia ser limpa e que poderiam ver diversos aglomerados abertos (os cardumes de José) acompanhando a Via Lactea. A Via Lactea propriamente ele chamava de Corrente .
Naquela noite José ia jogar sua rede nas constelações de Cão Maior e Puppis (a popa do Navio Argos) . Era o final da primavera e elas nasceriam no horizonte sul não muito tarde.
- Hoje eu vou mostrar para o senhor o “Rabo do Cachorro”, - dito num tom provocador , algo bagaceiro.Como que se referindo ao amor de Don João pelas ancas da indigenas.
- Mais antes eu vou te mostrar o coração do Cão de Orion. – O telescopio de Don João apontava para abaixo de Sirius , a estrela mais brilhante do céu.
Antes mesmo de olhar pela ocular José dizia- Este é bonito . Um grande cardume com um peixe difernte no meio. É bem circular .Muitas estrelas

Era verdade . Don João apontara em direção a M41 .Um aglomerado conhecido desde a antiguidade. E que se percebe uma estrela avermelhada proxima a seu centro. Cercada por outras mais esbranquiçadas.entrada de numero 9 no catalogo JESS. È provavelmente o objeto mais tenue observado na antiguidade. Aristotle um registrou em 325 A.C. . è possivel que ele também tenha avistado M39 , em Cygnus(o cisne) , como um objeto com parencia de cometa.

A seguir , em rapida sucessão , mostrou quatro belos aglomerados . Todos desconhecidos por Don João.
Mostrando conhecer tambem os alfarrabios José Eustaquio rapidamente disse:
-Partindo de Aludra ,na ponta da cauda, você vai perceber uma pequena estrela. Eu chamo de o Pom Pom do cão.Um cardume assustado. ( Aludra é como é chamada a estrela Eta Cão Maior.
É conhecido hoje em dia como Collinder 140. Descrito por Collinder como do Tipo Pleiades.
Continuando a lição - Formando um losango com Adara , Aludra e Wenzen (Epsilon, Eta, e Delta Cão Maior respectivamente) tem este outro cardume .
È outro grupo classificado por Collinder . Cr132. Também considerado do tipo Pleiades. Ele considerou 18 estrelas como pertencentes ao aglomerado.
E como que fazendo bravata- E logo abaixo deste seu aglomerado manjado é outro de só jogar a rede .
E mostrou um grupo com cerca de 20 estrelas .
Hoje conhecido com Cr121 . Um belo aglomerado aberto disperso também considerado or Collinder como do tipo Pleiades.
- E destes que a gente vê até sem luneta seu padre tem este aqui .
Desta vez apenas mandou que Don João apontasse seu telescopio para Pi Puppis . Lá estava o que ele chamava do Cardume do Portal.
Como que prevendo o futuro ele mostrava a Don João o que seculos depois Collinder batizou de Cr135. O que ele classificou como do tipo nebuloso . Esta é uma classificação duvidosa posto que o aglomerado se resolve claramente e não apresenta indicios de nebulosidade.Ele conta também 16 estrelas . Don João só viu 12.
Mas achou o mais belo dos quatro . Parecialhe reamente como um portal estelar. O batizou de “O portão do Paraiso” . E anotou que sera através destas estrelas que a alma dos bem aventurados se dirigiria para o paraiso.
Dom João ficou encantado . Mas naquela noite José mostroulhe ser realmente um grande pescador. Depois de uma rapida parada para um beber algo e pitar seus cachimbos ele voltou a carga e mostrou mais maravilhas austrais para Don João.
De volta a area na cauda do Cão Maior ele mostra um aglomerado lindisssimo. Também pesca facil como disse José Eustaquio. A redor de Tau Cão Maior . É o sexto aglomerado aberto mais brilhante do céu. Porém muitas vezes esquecido pelos observadores no hemisfério norte. Foi também posteriormente catalogado no New general catalog of Nebula and Clusters como NGC 2362.
Voltando para Puppis (a Popa) ele mostra mais ao sul outro belo aglomerado um daqueles que ele chama de saleiros em vez de cardume. Com uma magnitude geral de 2.8,como calculada por Don João, e uma estrela membro bem brilhante , ele era facilmente percebido a olho nú pelos olhos treinados de José Eustáquio. Se partindo de Pi Puppis em direção a sul se pode nota-lo.
Foi catalogado posteriormente como NGC 2451.

E ainda perto somente mais um pouco ao sul mais um aglomerado , este mais tenue , mais secreto, uma toquinha como chamou José . Este que éhoje conhecido como NGC 2477. Com magnitude proxima a 6.0 está no limite da visão humana. Um aglomerado bem rico segundo Don João.
Estes objetos são ,em ordem de apresentação, os objetos JESS de numero 9,10,11,12,13,14,15 e 16.


Aqui uma tabela para ajudar em seu reconhecimento bem como o mapa da região.


Catalogo JESS José Outros

JESS 009 – Grande cardume M41
JESS 010- O Cardume Assustado Cr 140
JESS 011- Cr 132
JESS 012- Cr 121
JESS 013- O portal do paraiso Cr 135
JESS014- Tau Cão maior NGC 2362
JESS 015- NGC 2451
JESS016- NGC 2477

domingo, 8 de novembro de 2009

astrolog outubro 2009

Astrolog outubro de 2009

Outubro foi um mês ingrato no observatório. O céu sempre coberto. O Nuncius foi a seu posto avançado e o céu coberto. Porém se tirou leite de pedra. Na verdade ,apesar dos poucos dias disponíveis para observação , foram avistados objetos austrais significativos. A nova buscadora 10x50 se mostrou extremamente útil e abriu um novo universo de observação. Uma boa buscadora é fundamental para o astrónomo urbano.
Foram observados :

NGC 2070- A Nebulosa da Tarântula. Parece com a letra x . Na buscadora se percebe claramente que não se trata de uma estrela. Um borrão bem brilhante apresentando u formato de v invertido. Na ocular um x bem brilhante no seu núcleo e algo como uma névoa a redor. Se partindo de Canopus em direçao a Achernar . Cerca de um campo visual da buscadora abaixo da linha que liga as duas . Se nota claramente na buscadora. 200.000 anos luz do Sol.

NGC 104- Ou Tucanae 47 . Belo aglomerado . Se percebe como uma estrela enevoada pela buscadora. Comecei a busca a partir de Achernar. A forma é algo não tão arredondada como se espera de um globular. Se vê claramente o enevoado a redor do núcleo que é bem brilhante , algo estelar.



NGC 362- Outro aglomerado globular. A partir de NGC 104 se localiza facilmente. Olhe para buscadora com atenção e vai notar uma estrela enevoada dentro de um grupo. Pela ocular se percebe claramente o aglomerado. Mais difícil que os outros dois de se perceber pela buscadora . Bem estelar. Bem próximo a NGC 104.

Todos objetos se encontram algo distante das estrelas mais brilhantes visíveis a olho nú. È necessário se fazer uma navegação pela buscadora. NGC 362 é fácil partindo-se de tuc 47.( No Rio de Janeiro com a Lua começando a minguar. )

NGC 2516 – Interessante aglomerado aberto próximo a Avior . Fácil .



Collinder 135 – Inclui Pi Puppis . Bem interessante e fácil de se achar . Pi Puppis é visível a olho nu. Diversas estrelas piscam na região. O catalogo Collinder trata de aglomerados abertos dispersos. Bons com baixa magnificação.

Pleaides do sul- Não são as plêiades , mas são uma das jóias do céu austral.(Ic 2302?)