quarta-feira, 22 de julho de 2009

destaques da semana 20 -27 de julho de 2009

O destaque desta semana vai para nossa vizinhança galactica. Os planetas se apresentam.

Venus e Marte na madrugade , a leste.
Jupiter durante quase toda a noite .Em capricornio.
Netuno a menos de um grau de Jupiter.
Urano se encontra em Peixes
E para aqueles que possuirem telescopio potente o suficiente Plutão brilha com 14a mag.em Sagitario . Veja o mapa . (Clique para ampliar)

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Teste de Equipamento -Celestron Firstscope 70mm


Firstscope 70mm Celestron
O Celestron é um refrator de 70mm . Sua distancia focal é de 900mm logo apresenta a razão focal de  F13 . Acompanham duas oculares de 20mm e 10 mm .Estas vão gerar uma magnificação de 45x e 90x.
Existe também a versão 90 mm.
È uma agradável surpresa .Apresenta uma boa relação custo beneficio.
Foi meu primeiro telescópio me permitiu conhecer o céu como nunca imaginei possível.
Apesar de certas  limitações me permitiu ver mais maravilhas que imaginava.
Não percebi aberração cromatica mesmo em objetos bem claros . E mesmo com as oculares originais ele apresentou uma imagem bastante boa ao longo de todo campo ocular. Nas bordas se percebe alguma distorção mas nada que chegue a incomodar.
Na verdade me ensinou as maravilhas e prazeres do “star hooping”. Um clássico. Chegar não importa , o importante é o caminho.Vi muita das belezas que se podem ver com a configuração.
O Celestron é um aparelho bem realizado , se considerando o seu custo, que atende a diversas funções.
O foco se realiza através de um sistema de cremalheira e apresenta um curso de cerca de 30 cm.
O seu buscador é através de um led. È bastante fácil de se ajustar através de dois botões situados no próprio finder. Posteriormente substitui esta por uma buscadora ótica 9x50 mm. Isto torna a localização de DSO,S ( especialmente em locais de forte PL) mais facíl. Foi necessário realizar nova furação no tubo. 
A suas oculares poderia ser melhores. Ao tentar observar Júpiter com a ocular de 10mm e uma barlow 2x( não acompanha o aparelho) e ele não suportou. Porem funcionou melhor com estrelas duplas.A imagem de Júpiter não obteve foco. Porem o seeing estava ruim e Júpiter baixo no horizonte.Merece mais uma chance.( posteriormente consegui utilizar aumentos de 180 X regularmente. )
De qualquer maneira eu recomendo que voce adquira uma ocular Plossl. Isto vai melhorar em muito a qualidadad das imagens que vai ver. Se gostar de observação planetaria é melhor também comprar uma ortoscópica. A ocular de 20mm é razoavel. A de 10mm deixa a desejar.
Depois parti em busca de Omega Centauro . Não chega a resolver estrelas porem se vê claramente o enevoado , parecendo uma pequena bola de algodão .Melhor observado com baixa magnificação.
A seguir a Caixa de Jóias próximo a Beta Crux.Resolvendo muitas estrelas com ambas as oculares.
Diversos objetos Messier foram avistados. Na verdade todos os Messier que procurei com ele foram avistados. Uns mais outros menos...
A montagem é equatorial. Funciona .Poderia ser mais estavel pois em caso de objetos muito tenues é dificil se obter um bom foco de primeira. Melhor não utilizar na maxima extensão. Quanto mais baixo melhor.
Quanto a astro fotografia : Realizei boas fotos da Lua . Registros toscos de deep sky . Com método afocal. 
Bom produto. Excelente first scope. Posteriormente adaptei a OTA na minha EQ 3 e realizei boas fotos em foco primario. é necessario utilizar minha barlow ( sem a lente o com ela) como um adaptador.Ou comprar um adaptador universal com rosca tipo T ( M 42) .http://www.astroshop.com.br/produto.asp?CodProd=93625 Não possui rosca no porta ocular  Na verdade este conjunto se mostra muito estavel e é um bom conjunto para se iniciar em  astrofotografia. 

P.S. Claro que vi anéis de Saturno (90x) , luas de Júpiter, fases de venus e etc...
Algum tempo depois obtive fotos bem razoaveis utilizando um tripé mais estavel... E outras oculares...

Pontos fortes:
Preço
Tubo Ótico

Pontos fracos:
Tripé e cabeça equatorial , ocular 10 mm

P.S. Atualmente ( 2012) a Celestron tem disponibilizado as séries Astromaster e Powerseeker que atingem o mesmo nicho ao qual pertencia  serie firstscope. Os produtos são muito similares. A serie Powerseeker é um pouco mais clara (F 10)

http://www.astroshop.com.br/produto.asp?CodProd=21037

http://www.astroshop.com.br/produto.asp?CodProd=21061&Telescopio-AstroMaster-70AZ-Refratores

http://www.astroshop.com.br/produto.asp?CodProd=21048&Telescopio-Refrator-PowerSeeker-80EQ-Refratores



terça-feira, 14 de julho de 2009

Destaques da semana 12 a 19 jullho 2009

Quarta 15 . A grande mancha em Júpiter vai cruzar o meridiano durante a madrugada. Atualmente esta alaranjada. Será visível ,se o seeing for bom, em um telescopio de 4 pol.

Venus e Marte próximos as Plêiades, com a lua a tiracolo. Na sexta 17. Aldebaran também próxima.

Visite as Hiades . E só mirar em Aldebaran e ver o "v". Aldebaran não faz parte do aglomerado.( Touro)

quarta-feira, 8 de julho de 2009

O catalogo J.E.S.S. de Objetos Estelares- cont.

Capitulo 1 – O começo de tudo

Messier estava a procura do cometa de Halley , e o procurava todas as noites.
Ele acreditava piamente no retorno deste ,previsto por Halley para ocorrer ainda naquele ano. Isto era apenas uma hipotese naqueles tempos. De qualquer forma ele trabalhava para o Sr . Joseph Nicolas Delisle, astronomo da marinha. Ele fora empregado por sua bela caligrafia e acabou sendo instruido no uso de telescopios e afins.
Estava ele buscando o cometa de Halley na região prevista para seu retorno quando encontrou uma pequena nebulosidade a qual acreditou ser o cometa. Era o dia 12 de setembro do ano do Senhor de 1758.
Como astronomo precavido que era e ciente de seus deveres para o Sr. Delisle ele nada anunciou e continuou suas observações por mais alguns dias. Logo percebeu que aquele cometa não se movia em relação as estrelas de fundo. Não era um cometa e sim uma nevoa que habitava aquele lugar do espaço. Esta nevoa viria e se tornar o objeto messier numero 1 ou M1 . Ele só descobriria em 1771 que o objeto por ele avistado já havia sido observado por Jon Bevis em 1731
M 1 é na verdade os restos mortais de uma supernova que explodiu em 1054. Tornou-se conhecida posteriormente como a nebulosa de caranguejo em razão de sua forma . É um objeto Messier dificil. Com baixo brilho de superficie e com uma magnitude de apenas 8,4 .É separada por pouco mais de 1º da estrela Zeta tauri, um dos olhos da constelação de touro.A despeito disto não é facilmene visivel.

“Magnitude é o brilho de uma estrela (ou um aglomerado, galaxia , planeta e etc..) como ela aparece no céu . Magnitude aparente. Nos primórdios se dividiam em seis grandezas. Sendo a 1ª a mais brilhante e a 6ª o limite da visão.Atualmente certos objetos mais brilhantes tem valor s negativos de magnitude. Sirius ,a estrela mais brilhante é cotada em -1.44. O brilho de uma estrela é resultado de sual real emissão de luz e de sua distancia de nós.”


José Eustaquio de Nascimento e Islas nasceu em Portugal , mas veio muito cedo para o Brasil. , talvez o primeiro bebê a cruzar o atlantico .Este
Se nesse tempo o Brasil era longe o pequeno rancho em que ele e seus pais viviam era para lá do o fim do mundo conhecido. Haviam indios muito bravos para pouco alem do fim da peninsula . A sorte é que ali havia pouca agua. Não se sabe o ano exato de seu nascimento mas meu tataravo calcula que ele tenha nascido por volta de 1740. Com isto ele teria vivido mais tempo que qualquer ser humano que eu tenha conhecido. Talvez mais que Aureliano Buendía
No ano que José nasceu ,pouco antes do natal , houve um naufragio junto ao Cabo no limite sul da peninsula. Apenas dois marinheiros chegaram até o rancho onde morava Seu José . Pai de nosso José. Foram bem recebidos por ele e sua familia.
Tinham conseguido entrar em um pequeno bote que estava sobre o convés enquanto o barco fazia agua rapidamente. Conseguiram jogar algumas caixas para dentro da embarcação , sem saber muito bem o que havia dentro de cada uma . O Capitão enlouquecido dizia que ia matar quem quer que tirasse algo de sua nau.Em meio a gritos e tiros de bacamarte eles jogaram um bote ao mar . Poucos minutos depois o barco explodiu. Segundo os marinheiros o capitão louco jogou uma lamparina no porão onde carregavam a pólvora.
Após algum tempo os marinheiros construiram uma pequena embarcação e resolveram partir a um destino melhor que aquele fim de mundo. Deixaram como forma de retribuição pela generosidadae de seu José uma caixa com alguns livros .E um tubo com uns vidros em suas pontas que permitia que José avistasse barcos muito ao longe . Era um Telescopio, como muito tempo depois ele veio a saber.Para ele sempre foi a luneta.
Aqui é importante relatar ,segundos os alfarrabio que me chegaram as mãos, que José Eustaquio é um nome que se repete em varias gerações de uma familia. Ou então ele viveu durante mais de cem anos.Aqui cabe mais um espaço para a lenda.
Naqueles tempos o Armação dos Buzios , como séculos depois o local veio a ser chamado , era realmente o fim do mundo. A maior pare da população da terra ainda acredita que o fim da mundo existe. Se voce for até lá voce cai no espaços vazio e conhece monstros que nenhuma alma humana jamais imaginou.
José Eustáquio ,devido a sua posição geografica, já percebera que o fim do mundo não existia. Mais ainda. Como temente a deus ele sabia que o fim do mundo era um lugar no tempo. Não no mundo. E nem no céu.
E José Eustaquio ( com certeza era o primeiro de nossa saga) gostava do céu.Este José Eustaquio. Segundo deduzi este éo pai do José Eustaquio que meu tataravo conheceu.Ou não.Voltamos a tereno das lendas .Mas ele egostava do céu e o conhecia como colono que era. Mais que isto: navegador. Ele fora marinheiro na Real Marinha , a serviço do rei. Sua familia era simples porem antiga Nunca possuiram grande prestigio. Mas serviam a pesoas de muito prestigio. Fora bem educado e conseguiram-lhe uma posição ,ainda que modesta, na esquadra Real .
Daí até o Arraial é uma estória da mais nebulosas.
Muito importante é que sabia ler. Os livros deixados foram biblias para ele. Eram na verdade o bau da dita expedição científica que retornava a portugal no mal fadado navio.
Estamos no meio , aproximadamente, do sec. Xviii. Galileu Galilei não tinha chegado até Lisboa. Bem até tinha . Mas se perdeu a caminho para o futuro Arraial. Aliás , o Arraial era só um amontoado de Ranchos e mais umas choupanas. Daqui para frente este local vai ser conhecido como Arraial; ficará para a historia como Armação dos Buzios.
Em todo caso algo novo havia chegado a "Macondo". E José sabia ler. E tinha sido muito bem educado. Ainda que de uma forma totalmente ocasional ele ouvira muita coisa. Lera muito pouco ,mais algo. E agora podia entender a maior parte do saber que lhe chegara. E a volta quantica é que estava tudo em frances.Improvavel porem não impossivel. Ele conseguia coompreender e aprendeu de fato a lingua . Sua mãe , metida a fidalga , aranhava bastante bem a lingua dos nobres, e o fizera estudar algo e com outra volta quantica o Arraial era frequentemente visitados por piratas franceses em busca de viveres e de um bom Porto.José era fluente em Francês.
De natureza curiosa ele observou ,com atenção, o telescopio que lhe foi dado.Percebeu rapidamnte que se tratava de uma peça de altissíma qualidade . Todo entalhado , com belissimos desenhos de conjuntos de estrelas, em madeira de lei e um acabamento que demonstrava grande habilidade de artesões de primeira linha.Sua lente tinha cerca de 3 polegadas (75mm) e era de uma transparencia que ele jamais imaginara possivel em um vidro ou cristal. E sua estrutura permitia que dois tubos corressem dentro deles mesmos . Conforme corriam se podia ver mais perto ou mais longe.
Ele montou , habil que era, uma estrutura de bambu. Ela sustentava sua luneta. Mas foi mais longe ainda. Ela possuia algo como uma cabeça entalhada em madeira nobre. Esta peça , depois de adaptada com maestria,permitia a ele ajustar a altura e direçaõ da luneta. Depois , e só depois , ele apontou seu olho para o céu. No céu ele viu muito mais que estrelas. Ele viu uma estrela com cabelos. Um cometa.
Segundo meu tataravô disse ,na primeira noite Ele esbarrou em seu suporte e seu olho saltou para bem longe .E ele estava lá. Se as notas que o velho deixou forem corretas era novembro de 1758. Foi então que José Eustaquio entregou sua alma aos céus e seu coração ao que ele chamava de filosofia natural. Ele vira isto nos livros que haviam chegado . E ia descobrir oque isso significava.

segunda-feira, 6 de julho de 2009

Destaques da Semana 6 à 12 de julho de 2009

A semana apresenta semana se inicia com a lua cheia na segunda 6 .

Quinta feira dia 9 Júpiter e a lua estarão muito próximos.

Dia 10 idem e Neptuno continua bem próximo a Júpiter.

Sábado próximo ao amanhecer Marte estará a 4 graus das Plêiades , em Touro.

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Mini maratona Messier de inverno.

A semana tem apresentado um péssimo seeing noite ápós noite.
Portanto o Observtório do Nuncius tem trabalhado mais de forma virtual.

Tenho passado a noite planejando uma maratona messier especial para o inverno Austral.
Algumas ferramentas e este artigo vão permitir a você realizar uma belo tour pela via lactea e arrematar varios objetos messier em uma unica noite.
Primeiro você vai começar por Scorpius e localizar M4 , M6 , M7 e M80. As referencias para isto estão na postagem " Scorpius - Grande Constelação Austral".
A seguir você segue para Sagitario. Localizada em deção ao centro da Via Lactea.
Sagitario é uma das mais ricas constelações do céu. Se pode ver a via lactea cruzando a constelação . Sua area mais densa marca o centro da Via lactea que se encontra à 25000 anos luz a frente. Lá vive Sag.* . Um massivo buraco negro que domina o centro de nossa Galaxia. E uma vasta coleção de objetos Messier.







Vamos iniciar pelos aglomerados globulares. Cabe destacar que alem dos Aglomerados de Messier Sagitarios possui mais de 20 globulares.
M22- Seguramente o mais glorioso .É simplesmente o terceiro aglomerado mais brilhante dos céu. M28 é algo como um primo pobre de M22. Ambos se encontram proximos a Kaus Borealis.
Já M54 ,M69 e M70 se encontram ao longo de uma linha imaginaria que liga Kaus Australis a Zeta. Todos com mag. ao redor de 8.
Agora vamos as nebulosas que abundam em Sagitario.Imaginem sagitario como um bule no céu. A fumaça que sobe é a Via Lactea e ao longo desta se encontram as nebulas aqui descritas.Fluindo a partir de Alnasl , a primeira a ser encontrada é M8 , a nebulosa de Lagoa. Um grande berçario estelar que só é ofuscada pela grande nebulosa de Orion.
Brilhando com mag. 6.0 é visivel a olho nu de um local escuro como uma fraca névoa.

Um pouco mais ao norte e um pouco mais tenue se encontra M20. com setima magnitude e´conhecida como nebulosa trifida. É visivel de binoculo porem se faz necessario telescopio para se percber as manchas escuras que lhe batizam.
M17 é ultima nebulosa de Sagitario ao norte de mu. Conhecida como a nebulosa Omega o do Cisne brilha com sua 6a magn..

Já em Serpens na fronteira com Sagitario esta M16 a nebulosa da Aguia , local de uma famosa foto feita pelo Hubble. Os pilares da criação.Brilha em sexta mag..

Por fim você vai percorrer os aglomerados abertos. M21 se encontra bem proximo a M20 e brilha com mag.5.9. M 18 se encontra logo ao sul da nebulosa omega. E logo ao sul de novo se encontra M25. M23 se encontra a oeste.
Por fim M24 é um campo estelar com mag. 11.Conhecido tambem como pequena nuvem de Sagitario

Seguindo o plano de minha mini maratona vamos encerrar em Escudo. Aqui vamos observar M11 um dos mais belos aglomerados abertos de todos . Conhecido tambem como "The wild duck cluster"fica próximo a beta do Escudo. Para facilitar a realização da maratona recomendo que você consiga um bom atlas estelar e um programa de astronomia bom . Eu recomendo o Stellarium .(disponivelna seção de links do Nuncius. Open Code)


Mandem comentarios a respeito de seu desempenho e informaçãoes nesta pequena maratona invernal.