sexta-feira, 13 de maio de 2011

Astronomia Econômica

Astronomia Econômica 101


Esta matéria tem como limite R$ 500,00 como o teto Maximo de investimento que você pode realizar. E considera apenas o uso de telescópios (baratos). Binóculos são tratados em Astronomia Econômica 102. Este é considerado suficiente para cobrir todos os custos para que você veja algumas imagens inspiradoras através de um telescópio. É claro que isto implica em algumas limitações.

Por menos de R$500,00 você não vai:

• Realizar nenhum tipo de fotografia astronômica

• Fazer nenhum tipo de contribuição significativa para a pesquisa astronômica (a menos que você seja o cidadão mais borrado do mundo)

• Impressionar alguém com seu equipamento – A menos outros duros que nem você

O tipo mais comum de telescópio barato que você vai achar tem as seguintes características:

• Um sistema ótico razoável seja ele um refletor ou um refrator. Provavelmente feito na China    

• Oculares quase adequadas para permitir uma razoável magnificação. Ai incluído uma Barlow imprestável que você, em geral, poderá jogar fora.

• Uma montagem equatorial barata e pronta a chacoalhar a mais leve brisa – e ao mais leve toque no controle de foco

• E uma buscadora pequena e difícil de ajustar.

Por incrível que pareça é possível se iniciar na astronomia com este set up. (Existem alguns truques e você vai descobri-los na web)



O que vale a pena olhar através de telescópios baratos

Um telescópio barato é mais que suficiente para você ter visões inspiradoras do céu noturno. Por exemplo;

• Os anéis de Saturno e as luas de Júpiter

• Crateras individuais na lua

• As nebulosas de Orion e de Eta Carina

• Alguns aglomerados abertos e globulares

• Estrelas duplas como Acrux e Alpha Centauro





Como começar

Astronomia Econômica 101 promove um método de “apontar e observar” como alternativa a uma leitura de cerca de 30 min. sobre como alinhar o seu eixo equatorial e os anéis de declinação de seu telescópio. Este tipo de preparação é fundamental para telescópios maiores e mais caros aonde você pretende acompanhar objetos com grande magnificação – e para astrofotografia, é claro. Mas se você pretende observar o universo através de um telescópio barato você pode pular esta parte inteiramente.

Infelizmente não há como evitar alinhar sua buscadora e seu telescópio. Se você pretende achar algo no céu noturno eles tem que apontar para a mesma coisa. Este alinhamento pode ser feito durante o dia usando objetos familiares no horizonte ou à noite se utilizando as luzes da cidade ou a lua. Você precisa de algo grande e facilmente identificável para em um primeiro momento localizar com sua ocular com maior campo de visão e posteriormente alinhar na sua pequena e tosca buscadora.

Algumas dicas. Lembre-se que devido à ótica tudo aparece de cabeça para baixo. Os parafusos que permitem alinhar a buscadora nunca travam exatamente na cruzeta. Não ligue. Perto é bom o suficiente. Lembre –se – O ótimo é inimigo do bom. Tente não trombar com o telescópio e desalinhar tudo. É um trabalho para cinco minutos, mas cinco longos minutos se você tiver uma galera aguardando para ver imagens sensacionais do universo a sua volta.

Feito isto esta tudo pronto. A menos que você desalinhe a buscadora. Nesse caso volte dois parágrafos.

Achar um objeto estelar em uma buscadora pode ser um desafio. Especialmente porque quase tudo lá em cima é um objeto estelar e esta tudo de cabeça para baixo e invertido. Lembre se de manter os dois olhos abertos e quando você conseguir sobrepor o que você vê com o olho fora da buscadora com o que você esta vendo na buscadora é mais fácil fazer um ajuste fino.

Comece com a Lua. Depois parta para alvos estelares.

Depois de colocar seu alvo na ocular espere tudo parar de tremer e observe o lindo universo a seu redor.

Posteriormente procure o que é exatamente que você esta vendo no Stellarium e descubra seu nome exato. A seguir de uma olhada na Wikipédia e descubra mais do que o necessário a respeito daquela edificante imagem que você conseguiu capturar com seus próprios olhos.

O que você vai estar fazendo então é misturando um pouco de observação com um pouco de pesquisa . É basicamente do que trata a astronomia. Se você sobreviver a isto gaste mais um pouco e compre um telescópio de verdade. Você realmente gostou de astronomia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário